Seja bem vindo...

"...agradeço a você, caro leitor, que de tantos jardins que podias visitar, escolheu este. Fico honrada.Espero que sua estada seja agradável. Que as coisas familiares lhe pareçam novas, e as coisas novas, familiares. Fique o tempo que desejar. Se encontrar uma rosa que valha a pena, sinta-se á vontade para colhê-la. Se encontrar algo que mereça ser compartilhado, por favor, compartilhe. E, quem sabe? Adão ouviu Deus falar num jardim; talvez o mesmo lhe aconteça..." (palavras retiradas do livro:ouvindo Deus na tormenta-max lucado)

sábado, 7 de maio de 2011

Antes de ser mãe...

ANTES DE SER MÃE

Antes de ser mãe, eu fazia e comia
os alimentos ainda quentes.
Eu não tinha roupas manchadas,
tinha calmas conversas ao telefone.
Antes de ser mãe, eu dormia o quanto eu queria,
Nunca me preocupava com a hora de ir para a cama.
Eu não me esquecia de escovar os cabelos e os dentes


Antes de ser mãe,
eu limpava minha casa todo dia.
Eu não tropeçava em brinquedos e
nem pensava em canções de ninar.
Antes de ser mãe, eu não me preocupava:
Se minhas plantas eram venenosas ou não.
Imunizações e vacinas então,
eram coisas em que eu não pensava.


Antes de ser mãe,
ninguém vomitou e nem fez xixi em mim,
Nem me beliscou sem nenhum cuidado,
com dedinhos de unhas finas.
Antes de ser mãe,
eu tinha controle sobre a minha mente,
Meus pensamentos, meu corpo e meus sentimentos,
e dormia a noite toda.


Antes de ser mãe,eu nunca tive que
segurar uma criança chorando,
para que médicos pudessem fazer testes
ou aplicar injeções.
Eu nunca chorei olhando pequeninos
olhos que choravam.
Nunca fiquei gloriosamente feliz
com uma simples risadinha.
Nem fiquei sentada horas e horas
olhando um bebê dormindo.


Antes de ser mãe, eu nunca segurei uma criança,
só por não querer afastar meu corpo do dela.
Eu nunca senti meu coração se despedaçar,
quando não pude estancar uma dor.
Nunca imaginei que uma coisinha tão pequenina,
pudesse mudar tanto a minha vida e
que pudesse amar alguém tanto assim.
E não sabia que eu adoraria ser mãe.


Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação,
de ter meu coração fora do meu próprio corpo.
Não conhecia a felicidade de
alimentar um bebê faminto.
Não conhecia esse laço que existe
entre a mãe e a sua criança.
E não imaginava que algo tão pequenino,
pudesse fazer-me sentir tão importante.


Antes de ser mãe, eu nunca me levantei
à noite toda , cada 10 minutos, para me
certificar de que tudo estava bem.
Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor,
a dor e a satisfação de ser uma mãe.
Eu não sabia que era capaz de ter
sentimentos tão fortes.
Por tudo, obrigada Deus,
Por eu ser agora um alguém tão frágil 
e tão forte ao mesmo tempo.
Obrigada meu Deus, por permitir-me ser Mãe!


(Silvia Schmidt)


Recebi via e-mail.

2 comentários:

Gisavasfi disse...

Olá, minha querida Nanda.
Ser mãe é muito difícil mesmo, mas é glorioso. E sobretudo é uma dádiva imensurável de Deus.
Um lindo texto este que você publicou. A autora foi muito feliz ao descrever as emoções de ser mãe.
Um feliz dia das mães, com tua familia,para você. Bjs.

nanda disse...

Oi querida Gisele!!!

é verdade, apesar de não ser fácil é maravilhoso...
Apesar de ainda não ter gerado filhos, me considero mãe de alguns rsrsr
Minha sobrinha é um deles, minha irmã trabalha fora e como moramos todos juntos, eu acabo sendo-meio mãe rsrsr
Pra mim AMAR é a melhor coisa que existe!
Sejam filhos, pais, irmãos, amigos, o próximo...

Um feliz e abençoado dia das mães pra vc também!
Com toda sua familia!
Deus os abençoe!
bjks!

Related Posts with Thumbnails